Shaping the future of animal health
Portugal

Bulldog no sofá_website.png

o seu cão apresenta este tipo de comportamentos?

 

marcação urinária.png


MARCAÇÃO URINÁRIA

não se comporta adequadamente com os convidados durante o passeio

 urina em pequenos jactos em vários pontos


 

hipersexualidade.pngHIPERSEXUALIDADE

► o seu cão agarra-se à sua perna

► tenta "cobrir" os outros cães

► excita-se com almofadas e peluches

 

Fugas.png
FUGAS

► o seu cão desaparece durante muitos dias na época do cio das cadelas das redondezas

► fica descontrolado perto de uma fêmea em cio

 


Dominância.pngDOMINÂNCIA

► «comunica» com os outros machos durante toda a noite 

► não se mostra muito amigável com os outros cães durante os passeios

► rosna-lhes na sala de espera da clínica veterinária

 

causa provável: testosterona
 

 

A HORMONA DO MACHO

> A testosterona é uma hormona secretada pelos testículos. 
    É responsável pela libido do seu cão.

Cão 60%.png

> Cerca de 60% dos casos de comportamentos indesejáveis como a marcação urinária, a fuga, os latidos inoportunos, a hipersexualidade estão associados à secreção de testosterona.1

 

 

propor método de inibição.png

 

 

MÉTODO DE INIBIÇÃO DE TESTOSTERONAcão a sorrir.png

 

O médico veterinário aplicará um implante reabsorvível.


> Após algumas semanas, a taxa de testosterona diminui até ao nível mínimo, como sucede após uma castração cirúrgica.

 

1. Maarschalkerweerd et al, Influence of orchiectomy on canine behavior, Veterinary Record 1997

 

e depois?

 

ATENUAÇÃO OU SUPRESSÃO DOS COMPORTAMENTOS INDESEJÁVEIS

Em caso de diminuição ou supressão dos comportamentos indesejáveis do seu cão, diversas soluções são possíveis:
 

tesoura.png
> a castração cirúrgica, que consiste em remover os dois testículos, resulta na quebra definitiva da testosterona e previne o reaparecimento dos comportamentos indesejáveis.

 

implante.png
> a castração química, através da aplicação de um implante de longa duração, permite manter os atributos sexuais do seu cão, garantindo o fim dos comportamentos associados à testosterona. É uma castração reversível que permite preservar o potencial reprodutor do seu cão.

 

 

AUSÊNCIA DE EFEITO NOS COMPORTAMENTOS INDESEJÁVEIS


moléculas.png
>
Se a aplicação do implante não resultar em nenhuma alteração comportamental, a testosterona não será, certamente, a causa dos problemas observados no seu cão.

 

tesoura.png
>
 
A castração cirúrgica não será, provavelmente, a solução para estes comportamentos indesejáveis. A aplicação do implante terá então conseguido evitar uma anestesia geral e os custos inerentes a uma cirurgia.


veterinário.png
>
 
O seu médico veterinário propor-lhe-á outras soluções para gerir os comportamentos indesejáveis que incomodam o seu quotidiano.