Virbac Portugal

Doenças

Pontuação 5 (1 Avaliação)

Insuficiência renal crónica em gatos

Como saber se o meu gato está afectado e como tratá-lo?

Quais são as causas da insuficiência renal crónica?

A insuficiência renal crónica é uma doença de progressão lenta e irreversível e resulta na diminuição da funcionalidade do rim. Até 20% dos gatos podem ser afectados por esta doença. Esta é uma das doenças mais comuns em gatos.

As causas da insuficiência renal crónica são numerosas e variadas. È importante ter em conta que, na maioria dos casos, a origem do surgimento desta doença permanecerá desconhecida. Alguns gatos podem estar em risco. O exemplo mais conhecido é o gato de raça persa que pode possuir uma predisposição genética a uma doença do rim chamada “poliquistose renal”.


Quais os sinais que poderão fazer suspeitar de doença renal crónica?

 

A doença renal crónica pode conduzir a uma insuficiência renal. Afecta principalmente os gatos com mais de 8 anos de idade. Os sinais clínicos podem ser perda de apetite, perda de peso, aumento da ingestão de água, aumento do volume de urina…

reportage-virbac-07-12-17-28_WEBSITE_968X300 2.jpg

Se o seu gato apresenta estes sinais, uma consulta com o médico veterinário assistente ajudará a estabelecer um diagnóstico. O veterinário poderá ter de fazer exames adicionais tais como colheita de sangue ou de urina.
 

É também possível monitorizar o funcionamento dos rins realizando regularmente testes sanguíneos ao gato sénior. Deste modo, o diagnóstico será realizado precocemente para a gestão da doença desde a sua fase inicial.

O que fazer se o meu gato sofrer de insuficiência renal crónica?

A insuficiência renal crónica não se cura. A gestão permite abrandar a evolução da doença para uma maior duração de vida do gato.

O médico veterinários receitará medicação de acordo o estádio da doença. Uma monitorização regular será necessária para o ajuste terapêutico. Por outras palavras, o rim deixou de ser capaz de regular a concentração de fósforo no sangue. Como tal, é necessário limitar a ingestão de fósforo alimentar, tanto quanto possível.


Responda a este curto questionário para descobrir se o seu gato sofre de insuficiência real crónica. Se responder SIM a, pelo menos, uma destas questões, fale com o seu médico veterinário.

Avalie este conteúdo: 5 4 3 2 1

QUESTÕES A COLOCAR

O seu gato tem mais de 8 anos de idade?



O seu gato perdeu o apetite?



O seu gato bebe mais do que o habitual?



O seu gato vomita?



O seu gato é menos afectivo do que o habitual?